Buscar

TOP 20 LIVROS: RECREAÇÃO, BRINCADEIRAS, JOGOS E LAZER


FONTE ORIGINAL: https://www.cleberjunior.com.br/post/top-livros-de-recreação-e-lazer


Segue uma lista dos TOP 20 livros que tu precisa comprar se quiser ficar por dentro desta linda e maravilhosa área!


Por Ceber Junior

20) MANUAL DE JOGOS E BRINCADEIRAS: ATIVIDADES RECREATIVAS PARA DENTRO E FORA DA ESCOLA

por Cleber Mena Leão Junior

O que é necessário para aplicar os jogos e as brincadeiras nas escolas, nos clubes, nos hotéis, nos acampamentos, na colônia de férias, nas empresas e em outros locais? O conhecimento das atividades? Sim! Ou melhor, também. Além de dominar as atividades, é preciso saber os conceitos envolvidos para utilizá-los com coerência na aplicação prática. Entender os diferentes jogos e brincadeiras, a partir de uma proposta de classificação é fundamental. Identificar as questões cognitivas, motoras e socioafetivas dos participantes das atividades, também é importante, e por fim, aumentar o conhecimento referente às atividades a serem desenvolvidas na prática, para assim realizarmos um trabalho de qualidade a todos. Tudo isso se encontra nesse 'Manual de Jogos e Brincadeiras', que está repleto de novidades. COMPRAR

19) JOGO, BRINQUEDO, BRINCADEIRA E A EDUCAÇÃO

por Tizuko Morchida Kishimoto

A coletânea de artigos que incorpora o livro mostra como o brincar surge ao longo da história da humanidade relacionado à criança e à educação. COMPRAR

18) JOGOS INFANTIS: O JOGO, A CRIANÇA E A EDUCAÇÃO

por Tizuko Morchida Kishimoto

O livro apresenta três estudos que traduzem de maneira clara as relações entre o jogo, a criança em idade pré-escolar e a educação. O primeiro, intitulado Jogos tradicionais infantis do Brasil, focaliza a imagem da criança dos tempos dos engenhos de açúcar e o seu brincar, discorrendo sobre as raízes históricas dos jogos e apresentando estudos de natureza etnográfica. O segundo, O jogo e a criança no início do século em São Paulo, traz uma análise sobre como as imagens construídas das crianças se projetam na estrutura e no funcionamento das instituições infantis. O último, As Teorias pedagógicas e o jogo, centraliza-se nas concepções de aprendizagem e de desenvolvimento. COMPRAR

17) JOGOS, BRINQUEDOS, BRINCADEIRAS E BRINQUEDOTECA

por Sirlândia Teixeira

Esta obra pretende ser um estímulo para os profissionais que buscam fundamentar seu trabalho diário em ideias sobre jogos, brinquedos, brincadeiras, brinquedoteca e educação. As sugestões de jogos, brincadeiras e montagem de brinquedoteca, que constituem uma parte desta obra, vêm de encontro com a ideia de que o ensino deve ser despertado pelo interesse do aluno, motivo este que modificou o sentido do que se entende por processo de ensino e de aprendizagem. COMPRAR

16) DINÂMICAS, BRINCADEIRAS E JOGOS EDUCATIVOS

por José Ricardo da Silva Ramos

Avalia e sugere recursos de educação infantil a serem realizados com crianças nas escolas. Jogos recreativos e brincadeiras ganham significado e utilidade lúdicos na prática educativa, em diferentes momentos didático-pedagógicos. O livro inclui CD com músicas de atividades cantadas, além de fornecer numerosos exemplos de brinquedos e dinâmicas de grupo. A finalidade é promover a integração no ambiente escolar e ressaltar a importância do conteúdo de tarefas com esse viés para o desenvolvimento motor do aluno ― objeto de estudo ao longo da trajetória do autor como professor de educação física, premiado pelo MEC com os projetos Alfabetização Corporal e Jogos e Brinquedos no Cotidiano da Educação Fundamental. COMPRAR

15) OS JOGOS E OS HOMENS: A MÁSCARA E A VERTIGEM

por Roger Caillois

Faz muito tempo que os filósofos se interrogam sobre a interdependência dos jogos com a cultura. Roger Caillois faz aqui, pela primeira vez, um recenseamento dos tipos de jogos aos quais os humanos se dedicam. A partir deste recenseamento elabora uma teoria da civilização e propõe uma nova interpretação das diferentes culturas, das sociedades primitivas às contemporâneas. COMPRAR

14) 100 JOGOS COOPERATIVOS: EU COOPERO, EU ME DIVIRTO

por Christine Fortin

Os jogos cooperativos favorecem o trabalho de equipe, a harmonia, a colaboração e a partilha. Este livro propõe uma centena de jogos (adaptáveis de acordo com o local, perfil e número de participantes e que podem ser aplicados nas atividades escolares, de recreação e lazer) que sugerem um novo posicionamento sobre a atividade física, o jogo e mesmo sobre a vida, por seu fundamento de participação de todos e êxito coletivo. COMPRAR

13) JOGOS E BRINCADEIRAS NA EDUCAÇÃO INFANTIL

por Maria Aparecida Cória-Sabini

Esse livro descreve um conjunto de jogos e brincadeiras envolvendo conceitos e habilidades que são comumente trabalhados com crianças de nível pré- escolar que deve ser utilizado de forma integrada, tanto em situações de recreação como em sala de aula. As atividades abrangem o desenvolvimento motor, a atenção, a memorização, a percepção espacial e as noções básicas (de cores, formas geométricas, lateralidade, ritmo, classificação e relações de parentesco), entre outros conceitos. Descritas de modo detalhado, as atividades podem ser facilmente utilizadas por professores da educação infantil no cotidiano escolar, devendo ser adaptadas quando necessário. Nos seus jogos e brincadeiras, as crianças aprendem muitas coisas que serão internalizadas e transformadas em conceitos, além de satisfazerem muitos de seus desejos e interesses. Na proposta aqui apresentada, elas são vistas como parceiras ativas na aprendizagem, cabendo ao professor respeitar suas características e formas de pensar. COMPRAR

12) ARTE DE BRINCAR: BRINCADEIRAS E JOGOS TRADICIONAIS

por Adriana Friedmann

Uma coletânea que reúne mais de 200 brincadeiras tradicionais, daquelas que brincavam os pais e avós na rua, na praça e sem muitos brinquedos. Atualmente, quando a televisão e o computador, os videogames e o consumo estão tão presentes na vida das crianças, este livro torna-se uma contribuição para uma infância mais saudável e criativa. COMPRAR


11) BRINCADEIRAS E BRINQUEDOS: DA EDUCAÇÃO INFANTIL À TERCEIRA IDADE

por Kacianni Ferreira

Esta obra promove a importância do brincar como recurso para a aprendizagem. Oferece a educadores, professores, pais e animadores possibilidades de diversas brincadeiras, jogos e dinâmicas. Propõe ainda a construção de brinquedos, peças utilitárias e instrumentos musicais a partir de materiais recicláveis ou fáceis de encontrar. As práticas adotadas propõem um estímulo à socialização e à utilização do excesso de energia para favorecer o desenvolvimento físico, cognitivo, afetivo, social e moral dos alunos. COMPRAR

10) 125 BRINCADEIRAS PARA CRIANÇAS DE 1 A 3 ANOS

por Jackie Silberg

É durante os três primeiros anos que o cérebro forma as conexões que vão determinar as capacidades e o potencial de uma vida inteira. Este livro ajuda pais e educadores a fortalecer os circuitos dos cérebros das crianças de 1 a 3 anos, levando-as a fazer novas sinapses a partir de brincadeiras baseadas nas últimas pesquisas sobre a forma como as crianças aprendem. COMPRAR

09) LAZER E CULTURA POPULAR

por Joffre Dumazedier

Joffre Dumazedier, especialista em assuntos ligados ao lazer, publicou várias obras a respeito, sendo o presente livro fruto da longa atividade do autor à testa de várias entidades responsáveis pelo problema. O lazer pode ser considerado um fenômeno central de nossa civilização. Realidade fundamentalmente ambígua, apresenta aspectos múltiplos e contraditórios ainda não perfeitamente determinados pelos cientistas sociais. 'Lazer e Cultura Popular' ocupa-se em definir o lazer, explicá-lo por meio de várias correlações socioculturais e, em particular, avaliá-lo a partir de uma perspectiva popular ligada às novas oportunidades oferecidas pela indústria cultural. Obra de grande atualidade, revê os problemas suscitados pela industrialização e a cultura de massa de um ângulo novo e pouco conhecido dos leitores brasileiros. COMPRAR

08) ESTUDOS DO LAZER: UMA INTRODUÇÃO

por Nelson Carvalho Marcellino

O livro procura oferecer elementos para o entendimento das questões relativas ao lazer, esfera da vida das pessoas que vem crescendo em importância, principalmente se considerarmos os centros urbanos. Através de um conjunto de 39 pequenos textos, de linguagem simples e direta, são abordados diversos aspectos dos Estudos do Lazer, desde seu entendimento, passando pelos conteúdos culturais que o compõem, as dificuldades para a sua vivência, e suas relações com as demais áreas de atuação humana. Dirigidos ao leitor em geral, interessado no assunto, os textos são recomendados principalmente como Leituras Introdutórias, para aprofundamento em sala de aula, ou posterior, em Cursos que trabalhem a problemática do lazer, como Educação Física, Turismo, Terapia Ocupacional, Serviço Social e Ciências Humanas de modo geral. COMPRAR

07) INTRODUÇÃO À SOCIOLOGIA DO LAZER

por Gilles Pronovost

Pronovost estuda o tema da sociologia do lazer há cinco décadas. Neste livro, a partir do exame crítico das principais tendências do pensamento sociológico, aborda o novo fato social do lazer e destaca seus inter-relacionamentos, às vezes marcados pelo conflito, com o trabalho, a família, a educação e a cultura. Nessa perspectiva, atividades que aos poucos ganharam papel central no tempo social de lazer integram-se às práticas sociais como um todo e adquirem valor sociológico específico. COMPRAR

06) SOCIOLOGIA EMPÍRICA DO LAZER

por Joffre Dumazedier

Semana de 40 horas, aposentadoria aos 60 anos, evasão escolar, trabalho doméstico contestado...: o que fazer com o tempo livre? O lazer é uma de nossas grandes obsessões e, no entanto, permanece mal conhecido: suas dimensões reais estão escondidas na representação dominante, estereotipada e mítica de suas relações com o 'trabalho' e outros compromissos sociais. O desconhecimento de tais relações na dinâmica das mutações culturais e sociais de nosso tempo torna a reflexão teórica ilusória e a política cultural, cega. O lazer não se traduz em tempo liberado pelo progresso econômico e pela reivindicação social. Ele é também criação histórica, oriundo das mudanças dos controles institucionais e das exigências individuais. Inteiramente condicionado pelo consumo de massa e pela estrutura de classe, o lazer está se tornando cada vez mais o centro da elaboração de novos valores, sobretudo nas gerações mais jovens: põe em xeque as regras do trabalho profissional e escolar, a vida familial, socioespiritual e sociopolítica. O lazer deu origem a um movimento social que começa a sacudir e modificar não apenas as estruturas da sociedade, mas, de modo mais radical ainda, as orientações da própria vida. Tais são alguns problemas de pesquisa que J. Dumazedier focalizou de um modo tão incisivo e pioneiro no fim da década de 1970 e que tornou a Sociologia Empírica do Lazer uma obra clássica no tema, internacionalmente estudada e debatida. No Brasil, a sua importância foi de tal ordem, que uma das entidades mais preocupadas em nosso país com os problemas do lazer e de suas funções sociais, que é o SESC, não só apoiou a primeira edição dessa obra, como volta a apoiá-la nessa reedição, pelo valor que atribui às idéias e propostas nela contidas. COMPRAR

05) MANUAL DE LAZER E RECREAÇÃO: O MUNDO LÚDICO AO ALCANCE DE TODOS

por Tiago Aquino Costa e Silva da (Paçoca) e Kaoê Giro Ferraz Gonçalves

O brincar e o jogar têm um papel fundamental no processo de desenvolvimento humano, da infância à chamada melhor idade, criando a oportunidade da vivência de momentos simbólicos e da convivência com regras. Manual de lazer e recreação foi elaborado para servir de instrumento acadêmico aos profissionais do Lazer, da Educação, da Educação Física e aos demais interessados. Não é um manual somente de atividades; apresenta, também, os conceitos de lazer e recreação, o histórico dos tipos de brincadeiras e jogos, as características dos jogadores e do recreador. A grande experiência profissional que os autores têm nas diferentes áreas de atuação do recreador torna a leitura desta obra prazerosa e altamente enriquecedora. COMPRAR

04) ORGANIZAÇÃO DE ATIVIDADES DE LAZER E RECREAÇÃO

por Cleber Dias e Hélder Ferreira Isayam

A obra apresenta o panorama do mercado de trabalho, bem como o perfil do profissional da área, discutindo as principais necessidades e os desafios para a formação.Trata do lazer e da recreação em diferentes fases da vida; para diferentes grupos sociais; e em espaços do setor privado, como clubes, colônias de férias, acampamentos, hotéis, hospitais, asilos e creches.Aborda o envolvimento do setor público (prefeituras, secretarias estaduais ou ministérios federais) com o planejamento e o financiamento das atividades; e, por fim, a participação do terceiro setor (instituições não governamentais) nessa área de atuação, explicando o contexto político e social em que ele se destaca.O conteúdo pode ser aplicado para os cursos técnicos em Agenciamento de Viagem, Eventos, Guia de Turismo, Hospedagem, Lazer, entre outros.Possui material de apoio. COMPRAR

03) RECREAÇÃO TOTAL

por Hani Awad e Giuliano Pimentel

Este livro surgiu do desejo e necessidade de somar, em uma obra, o esforço e experiência de 21 profissionais que desenvolvem trabalhos teóricos e práticos sobre recreação em suas diferentes manifestações, objetivando oferecer contribuições para recreadores, acadêmicos, profissionais e pesquisadores que atuam no campo da recreação. As ideias esboçadas em cada capítulo demonstram a visão de cada autor frente as suas experiências e reflexões sem seguir a rigor uma matriz ideológica. Apresentamos, como ponto de partida, um texto introdutório, que objetiva resgatar o histórico da recreação, bem como oferecer subsídios para compreender o seu entendimento, suas intencionalidades e aspectos metodológicos que o circundam. COMPRAR



02) RECREAÇÃO E AÇÃO

por Vania Maria Cavallari

Recreação em ação é um livro que tem como diferencial a versatilidade, pois abrange as mais diversas áreas da recreação. Cada capítulo foi escrito por um especialista no assunto. Se você trabalha com portadores de necessidades especiais e quer saber mais sobre como brincar com eles, aqui tem! Caso seu interesse seja pelo acampamento, aqui tem! Mas se sua prática for a escolar, aqui tem! Há recreação no esporte, no hotel, com jogos cooperativos, e até como fazer um projeto ou uma proposta de recreação. A gente curtiu, espero que você curta também e que acrescente bastante no seu trabalho. COMPRAR

01) LAZER E RECREAÇÃO: REPERTÓRIO DE ATIVIDADES POR FASES DA VIDA (Fazer / Lazer)

Por Nelson Carvalho Marcellino

O objetivo dos autores ao escrever essa obra foi o de compartilhar um repertório fundamentado de atividades de recreação e lazer que fosse útil para profissionais de várias áreas. As atividades estão organizadas por faixas etárias, denominadas como fases da vida - infância, juventude, idade adulta, e terceira idade. Tal segmentação permitiu que fossem levadas em consideração suas especificidades em relação ao lazer e à recreação, de acordo com as diferenças de interesse e nas relações e obrigações sociais. O livro é dividido em módulos, cada um deles voltado para uma fase da vida. Cada módulo contém uma breve introdução teórica, destacando os pontos que devem ser observados pelos animadores socioculturais nas suas vinculações com as pessoas daquela faixa etária. Esse texto de abertura é acompanhado de um conjunto de fichas de atividades, a serem desenvolvidas de acordo com as características do grupo na sua relação com o lazer. Naturalmente, como as fases da vida não são estanques, a maioria das atividades pode ser utilizada com outros grupos, uma vez feitas algumas adaptações. COMPRAR


45 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo